XXI EVQFM - LASSBio - UFRJ XXI EVQFM XXI EVQFM - LASSBio - UFRJ
Escola de Verão recebe 11 cientistas da IUPAC para compartilhar conhecimentos de Química Farmacêutica Medicinal
Por Vanessa Sol e Lúcia Torres*
Essa é a segunda vez, em 10 anos, que pesquisadores membros do Subcomitê de Descoberta e Desenvolvimento de Fármacos/IUPAC escolhem o evento para ministrar cursos e conferências


Planejada sempre com um ano de antecedência, já na primeira metade de 2014, a  Escola de Verão em Química Farmacêutica e Medicinal (EVQFM) recebeu um convite muito especial: sediar um “short course” promovido por especialistas da IUPAC (International Union of Pure and Applied Chemistry). Na proposta do curso, havia a realização de, pelo menos, 12 palestras de membros do subcomitê de Descoberta e Desenvolvimento de Fármacos, da Divisão de Química e Saúde Humana da Instituição.

Para a Escola de Verão o convite “caiu como uma luva”, ou melhor, na linguagem dos Químicos Medicinais, se encaixou perfeitamente como o modelo “chave-fechadura”; pois, em 2015, o curso “Highlights in Medicinal Chemistry” (Tópicos Especiais em Química Medicinal, tradução para o português) estaria completando 10 anos na grade de programação do evento.

Por coincid ência – ou seria Serendipity? – o curso “Highlights”, destinado aos estudantes de Pós-graduação, foi inaugurado na Escola de Verão, em 2005, com a vinda de cientistas membros da IUPAC, que escolheram a cidade do Rio de Janeiro para sediar a reunião do seu Sub-committee on Drug Discovery and Development. Este ano, novamente, durante a semana da Escola de Verão, a reunião do subcomitê da IUPAC foi realizada em terras cariocas.

Foto: Guilherme Flores
XXI EVQFM

XXI Escola de Verão em Química Farmacêutica e Medicinal recebeu representantes da IUPAC na comemoração dos 10 anos do curso “Highlights in Medicinal Chemistry


No Calendário das Ciências Farmacêuticas

Organizada, há 21 anos, pelo Laboratório de Avaliação e Síntese de Substâncias Bioativas (LASSBio/UFRJ), a XXI Escola de Verão em Química Farmacêutica e Medicinal (EVQFM) aconteceu, entre os dias 26 e 30 de janeiro de 2015, no Centro de Ciências da Saúde (CCS), da Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ).

Evento consagrado na área das Ciências Farmacêuticas, a Escola de Verão já faz parte do calendário de muitos estudantes, de graduação e pós-graduação, que destinam uma semana das férias de verão para aprofundar seus conhecimentos acadêmicos e científicos no âmbito da Química Farmacêutica Medicinal.

Foto: Guilherme Flores
XXI EVQFM
O auditório do bloco N do Centro de Ciências da Saúde da UFRJ foi palco para o Ciclo de Conferências da XXI Escola de Verão em Química Farmacêutica Medicinal
Nesta edi ção, o evento recebeu, aproximadamente, 130 estudantes de diferentes instituições provenientes de diversos estados do Brasil, – e até do exterior –, para conferir cada dia da extensa programação. Entre cursos, conferências e mesa-redonda, os participantes da Escola de Verão também puderam visitar as dependências e conhecer mais a fundo o trabalho desenvolvido pelo LASSBio, laboratório da UFRJ anfitrião do evento.

  Fotos: Guilherme Flores
XXI EVQFM XXI EVQFM
Estudantes observam atentamente explicação do Prof. Dr. Carlos Alberto Manssour Fraga sobre o LASSBio/ UFRJ Prof. Dr. Eliezer J. Barreiro apresenta o LASSBio/UFRJ aos participantes da XXI Escola de Verão

Ao todo foram 7 conferências (leia as matérias aqui) e 5 cursos (veja a relação dos cursos aqui), sendo quatro deles ministrados por pesquisadores brasileiros e um, o “HIghlights”, por especialistas estrangeiros filiados à IUPAC, além de uma mesa-redonda que abordou as doenças negligenciadas. (Acompanhe o diário do evento aqui).

Quem esteve presente à XXI EVQFM também pôde participar do lançamento da 3ª edição do livro “Química Medicinal: As bases moleculares da ação dos Fármacos”, de autoria dos Prof. Dr. Eliezer J. Barreiro e Carlos Alberto Manssour Fraga (LASSBio/UFRJ), reeditado pela Artmed (leia matéria aqui).

Foto: Guilherme Flores  
XXI EVQFM Pra começar a Escola de Verão com o pé direito, uma introdução. Logo no primeiro dia do evento, os participantes puderam conhecer um pouco mais sobre a IUPAC durante a uma breve apresentação (ppt.) feita pelo presidente da Divisão de Química e Saúde Humana da IUPAC, Prof. Dr. Thomas J. Perun.  Em seguida, o diretor da American Chemical Society (ACS), o Prof. Dr. Patrick Woster,  forneceu um panorama de alguns projetos da Divisão de Química Medicinal da Instituição (ppt.), convidando os presentes para se tornarem sócios da mesma.
Prof. Dr.Thomas J. Perun (IUPAC)  


10 anos do curso “Highlights in Medicinal Chemistry”

Nesta edição, em que a Escola de Verão comemorou uma década do curso “Highlights”, o evento contou com um número recorde de pesquisadores internacionais (veja os currículos aqui). Durante a semana, diferentes cientistas que foram protagonistas do desenvolvimento de importantes medicamentos como o Tapentanol (analgésico), a Rilpivirina (anti-HIV) e o Pantoprazol (contra desordens gástricas) apresentaram, ao vivo e a cores, a história de suas descobertas científicas.

Responsável ainda por inaugurar o curso “Highlights in Medicinal Chemistry”, o diretor da ACS, Prof. Dr. Patrick Woster e professor da Medical University of South Carolina, nos Estados Unidos, em sua aula abordou o desenvolvimento de novos compostos que visam ao tratamento do câncer, atuando na área epigenética (ppt.).

A partir de sua experiência profissional na indústria, o Prof. Dr. Peter Bernstein, pesquisador da PhaRmab LLC,  nos Estados Unidos, apresentou o curso “The evolving Role of Chemical Technology in Drug Discovery”, discorrendo sobre a evolução dos processos químicos a partir dos anos 90.

Apresentando o estado da arte das pesquisas que levaram até ao Pantoprazol, medicamento que é utilizado no tratamento de desordens gástricas, como gastrite, úlcera e refluxo, o Prof. Dr. Jörg Senn- Bilfinger, da Universidade de Stuttgart, na Alemanha, abordou a fisiopatologia destas doenças, explicando as terapias existentes para seu tratamento, desde a cimetidina passando pelo omeprazol, demonstrado a melhor eficácia do Pantoprazol.

    Fotos: Guilherme Flores
XXI EVQFM XXI EVQFM XXI EVQFM

Profa. Dra. Wendy Young
(Estados Unidos)

. Prof. Dr. A. Ganesan(Reino Unido)

Prof. Dr. Jörg Senn- Bilfinger
(Alemanha)


Autor de quatro renomados livros na área de Química Medicinal e diretor do Sub-committee on Drug Discovery and Development da IUPAC,  o Prof. Dr. Janos Fischer – que junto com o Dr. Bilfinger esteve presente no primeiro curso “Highlights ”em 2005 –, apresentou diversos casos de análogos que substituíram fármacos de referência devido a melhora dos perfis farmacocinéticos e farmacodinâmicos, como a ranitidina que substituiu cimetidina (ppt.).

Já o Prof. Dr. A. Ganesan, da Universidade de East Anglia, no Reino Unido, ministrou sua aula demonstrando a importância das propriedades fisicoquímicas de protótipos a fármacos, uma vez que elas podem ser uma das principais causas de falhas no processo de desenvolvimento dos mesmos (ppt.). Neste contexto, o professor abordou, ainda, o que a indústria farmacêutica tem desenvolvido tecnologias para a avaliação dessas propriedades para evitar perdas de recursos com fármacos inadequados.

Encerrando o curso “Highlights” a diretora associada da Discovery Chemistry da Genentech, nos Estados Unidos, a Profa. Dra. Wendy Young, mostrou como estão avançando as pesquisas para o desenvolvimento de inibidores de quinase, que é uma enzima que modula uma via fisiopatológica, como, por exemplo, o câncer. A descrição minuciosa da pesquisadora mostrou em detalhes porque alguns fármacos obtêm sucesso e outros, não.


Concurso de Selfie Escola de Verão

  Foto: Guilherme Flores
Para descontrair, um “Concurso de Selfie” foi criado na Escola de Verão com o objetivo de aproximar o público dos pesquisadores presentes no evento. Para participar bastava tirar uma selfie criativa dentro do contexto da Escola de Verão, seja com professores, conferencistas ou mesmo entre os próprios alunos ou com algum símbolo que remetesse à Química Medicinal. Para se inscrever no concurso era só publicar a foto no Instagram com a hashtag:#evqfm2015, ou em seu próprio perfil do facebook, compartilhando com  Escola de Verão (evqfm Ufrj). (leia matéria sobre o Concurso de Selfie aqui). XXI EVQFM
  Concurso de Selfie agitou a Escola de Verao

A grande final do “Concurso de Selfie” aconteceu durante o encerramento do evento. A selfie vencedora (veja fotos aqui) foi de Paulo Abrão, estudante do curso de graduação de Química da Universidade Federal do Paraná (UFPR). O estudante relembrou a famosa foto de Einstein com língua de fora e tentou imitá-la com um grupo de amigos de sua universidade, junto ao Prof. Eliezer Barreiro, que segundo Paulo lembra um pouco o famoso cientista. Como recompensa pelo primeiro lugar, o aluno recebeu da organização do evento um “pau de selfie” para tirar cada vez mais fotos criativas. (veja todas as fotos inscritas no concurso aqui).

Durante a cerimônia, que fechou com chave do ouro o evento, um tablet ainda foi sorteado entre os participantes presentes e também foram entregues 12 bolsas, no mesmo valor da bolsa de Iniciação Científica do CNPq, para os alunos que obtiveram participação integral (100%) nos cursos e conferências durante o evento.

Foto: Guilherme Flores
XXI EVQFM
A Escola de Verão contemplou 12 alunos que tiveram participação integral durante o evento (100% presença) com bolsas de Iniciação Científica no mesmo valor do CNPq


21 anos de saldo positivo

Ao longo de suas 21 edições, a Escola de Verão já se consolidou como um importante evento de aprofundamento científico. Pelas duas décadas de EVQFM já passaram mais de 120 cientistas de renome na Química Medicinal e, cerca de, 2.500 participantes entre estudantes de graduação, pós-graduação e pesquisadores. (Leia publicação Retrospectiva dos 20 anos do evento aqui).

Foto: Guilherme Flores
XXI EVQFM
Curso “Introdução à Química Farmacêutica e Medicinal” é ministrado há mais de 20 anos pelo Prof. Dr. Eliezer J. Barreiro (LASSBio/UFRJ) durante as edições da Escola de Verão

No balanço final da realização do evento, o Prof. Dr. Eliezer J. Barreiro, idealizador da EVQFM e um dos integrantes da comissão organizadora, afirmou que os objetivos foram atingidos e destacou inúmeros pontos positivos da Escola, tais como: a presença de jovens estudantes de diferentes regiões do país ávidos por conhecimento e a interação deles com o grupo de especialistas e professores (brasileiros e estrangeiros) que ministraram cursos e conferências.

Foto: Guilherme Flores
XXI EVQFM
Estudantes de diversas partes do Brasil viajaram para o Rio de Janeiro para participar da XXI Escola de Verão

  Fotos: Guilherme Flores
XXI EVQFM XXI EVQFM
“Toxicologia Pré-Clínica” foi ministrado pelo Prof. Dr. Carlos Tagliati (UFMG)

Profª. Drª Heloisa Beraldo (UFMG) ministrou “Química Bioinorgânica Medicinal”


Ana Regina Blazina, estudante de graduação do curso de Farmácia da PUC-RS, participou pela primeira vez da Escola de Verão. Ela acredita que os conteúdos das conferências e dos cursos agregaram muito à sua formação como estudante e também como profissional. “Como trabalho com pesquisa, acredito que esta experiência será um diferencial na minha formação”, destacou a graduanda.

 “A Escola de Verão está consolidada como evento de extensão universitária, com profundidade e qualidade de conteúdo, que ocupa o espaço ocioso de uma universidade pública federal durante as férias acadêmicas de verão. No entanto, a realização do evento só é possível com o trabalho da equipe do LASSBio, que é super motivada e veste a camisa da Escola para que ela aconteça”, afirmou o Prof. Eliezer.

Bem-humorado, o professor lembrou, ainda, que a Escola de Ver ão é como o carnaval: “Assim que termina uma edição, já começam a organização e os preparativos para a próxima”.

Foto: Guilherme Flores
XXI EVQFM
Profª Drª Lídia M. Lima (LASSBio/UFRJ)apresentando o   “Metabolismo de Fármacos: Aplicações na Toxicologia
e Interações Medicamentosas”


Patrocinadores


A Escola de Verão em Química Farmacêutica e Medicinal foi incorporada como atividade de extensão do Instituto Nacional de Ciência e Tecnologia de Fármacos e Medicamentos, em 2010, e recebeu apoio financeiro das agências FAPERJ e CAPES, além das empresas privadas Cristália, Sanofi e SINC para realizar, em 2015, a sua 21ª edição.

Foto: Guilherme Flores
XXI EVQFM
Sentados à frente, especialistas brasileiros e estrangeiros; ao fundo, participantes da
XXI Escola de Verão em Química Farmacêutica e Medicinal de 2015



*Texto: Vanessa Sol Edição: Lucia Beatriz Torres Fotos: Guilherme Flores
  Serendipity Comunicação  

XXI EVQFM E-mail Cúpula Informática INCT-INOFAR LASSBio - UFRJ UFRJ E-mail Cristália Sanofi do Brasil Sinc do Brasil CAPES